Luz e Sombra

Tuesday, August 16, 2005

DCP - Predador, por Der Uberlende (já que não tenho férias...)

Para ler ao som de:

Nick Cave and The Bad Seeds - Stagger Lee
Sister Machine Gun - Strange Days (cover dos Doors)
ou
Cradle of Filth - Mannequin (para quem estiver meeeesmo com stress de quem PRECISA de férias com URGÊNCIA!!)


here it goes...


Predador

Todos sabem quem eu sou.
Desde a escola primária que se habituaram a ser postos em segundo plano perante a minha presença. É natural, os deuses foram benfazejos comigo. 1,85 de homem, cabelo louro e suavemente encaracolado, olhos verdes de matador, um semideus de bronze e ouro, eis como todas elas me vêem. Desde a escola primária que estou acostumado ao arrasar de corações, ao destroçar de esperanças e despertar de paixões, aos gritos e sussurros que prometem todas as facilidades. E eu aproveito-as! Se é isso que elas querem, é isso que lhes dou. 1,85m mais 24cm extra se se portarem bem, e se tiverem o corpo que o mereça.
Eu nem me esforço... é só mostrar-lhes o sorriso perfeito, semicerrar os olhos verdes de matador e conduzir-lhes a mão de modo a tocar-me nos abdominais... e está feito! Depois há os gajos delas, mas com esses posso eu bem. O ginásio dá muito jeito para levá-las para a cama, mas mostra aos imbecis que os posso levar para o coma. É porem-se na alheta enquanto podem e há que deixar o rei banquetear-se. De certo, não faltam ai gajas de sobra para eles, fiquem com as gordas, as freaks, as enjeitadas, as feias, deficientes e os restos, entretenham-se. Ou então esperem que eu acabe de me divertir. Sirvam de consolo, depois de elas perceberem que o carrossel só gira enquanto me apetecer. Entretanto ainda vão andar ali 4 ou 5 dias agarradas ao telemóvel à espera do telefonema que não vai chegar. Se tiverem sorte, e se forem realmente uma boa queca, aturo-as por 2 ou 3 semanas, até elas virem com ideias de apresentações aos amigos e compromissos. O meu único compromisso é entre mim e elas e o método contraceptivo em serviço. Se não usarem nada, podem sempre ir abortar a Espanha ou parir os putos e entregá-los à Santa Casa, tanto me dá!
Esta noite é mais uma das minhas noites, em que vou até à discoteca por onde passeia o melhor gado da actualidade, a ver se saco um petisquito para a ceia.


... – Lá está ela, a loira de cabelos compridos e cigarro na mão, a fingir que não me vê. Só que os olhos dela traem-na, e deslizam demasiadas vezes para o meu peito, a um palmo de distância dos meus anzóis verde-esmeralda... Olha que a amiga também não é nada má..., se calhar hoje temos prato de peixe e de carne... –


Pivot da TVI:
- Mais uma vítima da série de crimes horrendos que tem varrido a noite lisboeta. Não perca já a seguir ao intervalo! –


(Nódoas difíceis como chocolate, azeite ou até sangue já não são problema! Agora com o novo Brankwash™ a sua roupa volta a ficar limpa e fresca. Agora com aroma a essência de pinheiro e eucalipto-do-chile!)



Pivot da TVI:
- Muito boa tarde. Esta noite deu-se mais um horrendo episódio da série de crimes já denominada “carne fresca”. Crê-se que mais uma vez estamos perante a obra das duas serial killers brasileiras que atraem as vítimas, homens jovens e com perfeita complexão física de preferência, através do convite para situações de intimidade a três. A vítima desta noite chamava-se Gonçalo Santos e Lima e era um conhecido playboy da noite glamourosa de Lisboa e Cascais. O procedimento das presumíveis autoras do homicídio macabro foi semelhante ao que já acontecera antes às suas mãos. A vítima é drogada e é feita a colheita de todos os seus órgãos passíveis de virem a ser utilizados no mercado negro de transplantes, desde as córneas ao coração, passando pelo fígado e rins, e mesmo os pulmões e o pâncreas. Este crime revestiu-se de um véu de atrocidade ainda maior. A informação de que dispomos é doentia e poderá ferir (certamente!) as susceptibilidades dos nossos telespectadores, donde que sugerimos (VEJAM VEJAM!!!) a maior descrição. Junto ao corpo deixado na banheira, quase vazio de entranhas, a polícia fez uma descoberta surpreendente em todos os aspectos. Ao levantar o tampo da sanita, os agentes da autoridade depararam-se com o escalpe do couro cabeludo da vítima, assim como dos seus olhos e os orgãos genitais... –



16 de Agosto de 2005,

Der Überlende


11 Comments:

  • bem, a tua personagem masculina so me conseguiu despertar o riso ;P há de facto muito "boa" gente que se vê assim, quanto ao resto fica ao nosso critério se o jovem morre ou não? lol baaaah fiquei confusa..

    [vocemece tem sempre sugestoes musicais, te parece que as cospe, tens ai um sistema de arquivo e peras hein? ;P]

    beijinhooo*
    [como sempre os teus textos primam por pequenos pormenores deliciosos, e pela escrita fluida :D]

    By Blogger Perséfone, at 4:10 PM  

  • Fiquei boquiaberta. A tua imaginação é algo sem limites (mesmo!). Adorei o encaixe dos vários tipos de narrativa, ficaram lindamente. E nem sei mais o que dizer. Gostei bastante da história, da criatividade, da caracterização directa da personagem e do fim que "encosta" o leitor às costas da cadeira. Sem esquecer o pormenor do intervalo :) Nada foi esquecido e tudo o que foi escrito foi bem coordenado :) Parabéns.

    Em relação às sugestões musicais, apesar de não conhecer nenhuma, eu não tenho conseguido ler nenhum texto e associar uma música. Normalmente nem sequer faço isso e não consigo mesmo ouvir a música mentalmente enquanto leio o texto, enfim :S

    Beijinho*

    By Blogger SweetSerenity, at 8:56 PM  

  • Hummm...isto sugere "parte II"! Enganaste-me!! lololol...Qd comecei a ler presumi que o assassino era ele!!! E eis que é a vítima.
    Os pormenores são deliciosos...o espeço comercial, o "eucalipto-do-chile"!!! LOLOLOLOL
    Por outro lado, acabaste por focar um problema bem real e preocupante que mexe com a nossa noção de condição humana: o tráfico de orgãos.
    Obrigada pelas tuas palavras a propósito do meu texto. E cá estou eu regressada de férias sem ter tido aquela noção de férias e com o trabalho a espreitar-me para a semana...ai...ai...
    Beijinhos e...parabéns!!!

    By Blogger redbackspider, at 11:56 PM  

  • Muito bom como sempre.
    O teu playboy é muito engraçado, os dois tipos de narrativa cruzada são uma boa ideia...
    MAS FIZESTE BATOTA! Era a visão do criminoso!
    Parabéns por mais um texto divertido e macabro.

    By Blogger Earworm, at 1:25 PM  

  • A banda sonora que os bichinhos de ouvido me cantaram enquanto lia este texto de um humor negro delicioso era:
    Psycho Killer - Talking Heads
    .... e o inevitável (e muito bem escolhido) Stagger Lee - Nick Cave.

    By Blogger Earworm, at 1:30 AM  

  • A personagem está muito bem conseguida e a construção do texto está original - como sempre os teus textos são rebuçados para a alma :) Momentos de humor, crueldade e detalhes assustadores são sempre prendinhas tuas para nós. Devo confessar que gostei mais d'"A Modelo" do que deste texto, o que não quer dizer que este esteja mau (só quer dizer que o poema está excelente). Sugestões musicais? Sem dúvida L'âme Immortelle - Slut. Espero que gostes ;)
    Beijinhos grandes*

    By Blogger rita, at 10:02 PM  

  • ui... que macabro. mas li todo até ao fim, claro!

    By Blogger aquelabruxa, at 10:25 AM  

  • Ehehehe, quanto a mim esse playboy recebeu o que merecia, mas isto eh so a minha adolescencia de "nerd" que passava a vida a mirar de longe estes "deuses" a falar. Mais uma vez, surpreendes-nos com um revirar da historia, uma surpresa de ultima hora. O predador tornou-se presa. Gostei ainda mais do pormenor de ser um Goncalo (por motivos meus) Santos e Lima, sugerindo boas familias, carros desportivos e um emprego na empresa do papa. Die, bastard, die!!
    Entretanto, quero partilhar com voces um link para chegarem a uma compreensao mais elevada do que faz um corpo cair ao chao:
    http://www.theonion.com/news/index.php?pre=1&issue=4133&n=2

    By Blogger smallworld, at 10:34 AM  

  • "desculpa se te desvirtuei o texto, não era nada essa a minha intenção :(" - de maneira nenhuma. Foram só mesquinhices minhas :S
    O mais importante talvez fosse o parágrafo, mas também é só por uma questão de pausa, não altera em mais nada, por isso não te preocupes :)

    Em relação ao meu nick, eu é que sou mesmo muito! mesquinha :S (às vezes lol)

    Beijinho*

    By Blogger SweetSerenity, at 12:45 PM  

  • Macabro!

    mas ainda me ri ao ler o nome dada à série de crimes: “carne fresca” Só poderia mesmo vir da TVI!? :9

    tudo já foi dito, és um verdadeiro escritor!

    By Blogger Eduarda Sousa, at 9:30 PM  

  • Uiiiiiiiiiii que andamos tão maus! Adorei o texto, belissimamente escrito, imprevisível, brutal e uma crítica tão atenta dos nossos valores, dos nossos perigos, dos nossos media. Parabens e obrigada por partilhares o teu «dom». Beijo na alma

    By Blogger maria l. duarte (secret), at 11:31 PM  

Post a Comment

<< Home


 

referer referrer referers referrers http_referer