Luz e Sombra

Thursday, August 11, 2005

DCP - Palácio Eterno por Lua de Inverno

Mensagem da Lua de Inverno

Aqui vai a minha participação no desafio que lançaram no Luz e Sombra - "Palácio Eterno".
O tema de fundo que sugiro é "Stein um Stein" dos Rammstein, principalmente por causa da letra. Espero que gostem ;)

Ah,é verdade... O texto tem aproximadamente 500 palavras, parece que o tamanho me serviu para os vossos desafios :P
Beijinhos,
Lua de Inverno


Palácio Eterno

Tão linda, meu amor, tão linda! Como descrever a beleza dos teus cabelos atados à pressa, das tuas mãos cruzadas como asas atrás das costas, das pernas juntas como o tronco de uma árvore que te prendem ao chão para não voares… Como explicar o temor que se apodera de mim quando te vejo tão bela? Ah, o receio de me saber dono da jóia mais valiosa do Mundo! És tão linda, tão linda no teu medo, no teu pânico… A tua boca num sorriso rasgado pelo pano que te impede de falar, os teus olhos rebolando nas órbitas em busca de ajuda… Mas não precisas de mais ajuda, pois não minha querida? Eu sou tudo o que tu precisas… E vou proteger-te do resto do mundo, não tenhas medo…

Oh, não chores, não tenhas medo, minha pequenina. Ninguém te vai conseguir atingir no castelo que vou construir para ti… aí ficarás segura, ficarás longe das garras maquiavélicas dos abutres que constantemente sobrevoam a tua cabeça, ficarás longe dos fantasmas que se alojaram debaixo da tua cama, esperando o momento certo para te levar com eles. Terás o teu próprio palácio, minha princesa, serás dona e senhora do teu domínio e ninguém te tocará…

E sabes quem te vai construir o palácio, meu amor? Sou eu… Eu colocarei pedra sobre pedra até ter uma fortaleza que te imunize do mal do mundo, que te esconda da maldade e da impiedade dos homens que te vigiam de noite e de dia, que te cobiçam mesmo quando caminhas a meu lado no parque, que te desejam mesmo quando me beijas. O que é isso que queres dizer? Porque abanas essa cabecinha linda e dourada que reluz ao sol? Achas que não? Pensas que eu sou cego? Pensas que eu não vejo como eles te querem? Não, não tentes gritar, ninguém te vai ouvir… E quando estiveres no meu palácio, no meu castelo, na minha fortaleza – oh, deliciosa antevisão! – podes gritar o que quiseres… As paredes serão grossas, nenhum som perpassará, nenhum lamento será ouvido! Para mais, construirei o teu castelo aqui, mesmo ao lado da minha casa, para estares sempre ao meu lado. Vês algum vizinho? Vês?! Não… bem me parecia… apenas os pinheiros como testemunha, não é minha querida?

Agora fica quietinha, por favor, não te quero magoar… Os primeiros tijolos nem custam nada se não tentares mexer as pernas. Vês?! Já comecei… pensa nisto como um manto de ferro que te protege das armas dos inimigos, como um escudo, como uma redoma, está bem? Vês, meu amor? Esse teu corpinho sedutor já está quase tapado, já só te vejo a cabeça…

… deixa-me beijar-te uma última vez, antes de te enviar para o exílio da tua segurança… O quê? Não queres?! Mas eu só quero o teu bem! Não me deixas beijar-te? Queres enfurecer-me? Ah, não deixarei nenhuma janela, não deixarei nenhum buraco por onde possas soprar esse vento venenoso que só me vem atormentar!

Adeus, minha princesa, goza esse palácio eterno onde te venho enterrar!

11 de Agosto de 2005

Lua de Inverno


13 Comments:

  • Mesmo quando tudo está a viver a silly season na sua plenitude, ainda vamos tendo raios de luar para alumiar o nosso blog

    parabens mocinha, mais uma página negra e bela cheia de arte e delicadeza ríspida

    agora, a sugestão musical:

    Dead Can Dance - Mesmerize
    Diva Destruction - Climbing up the walls (original dos cabeçaderádio)
    The Creatures - Exterminating Angel

    By Blogger Der Überlebende, at 10:48 PM  

  • Obrigada, D.U. :) É sempre um prazer participar nos vossos desafios, até porque nos obrigam a fazer um bocadinho de exercício durante a silly season :P
    Gostei das sugestões musicais... realmente diva destruction é adequado, nem me tinha lembrado mas fica bem :) Essa música de Dead Can Dance tem um ritmo muito próprio, acho que também se enquadra bem na situação relatada. Quanto à música dos The Creatures... bem, parece que vou ter de fazer uma visitinha à Mula :P
    Beijinhos grandes***

    By Blogger rita, at 12:09 AM  

  • foi pois um grande prazer ler este bocadinho antes de me retirar :D para mim a musica que escolheste esta perfeita, o ritmo da musica acompanha muito bem o fluir das palavras, e sem duvida que a letra e o texto se complementam de muitas maneiras :D

    [gosto dessa musica, a minha prof de alemao é fascinada por rammstein.. eu ia ler esse poema [ou musica.. whatever] no sarau da escola :) foi uma pena que tenha ido numa visita de estudo nesses dias com outra escola.. mas para o ano ha mais :)]

    parabens, esta de facto muito bonito :) as personagens contagiam, quer a beleza dela, como a insanidade cruel mas ingenua dele :)

    beijinho*

    By Blogger Perséfone, at 3:16 AM  

  • parabéns pelo texto! mto bom! gostei! bravo! beijinhos

    By Blogger Gonçalo, at 12:21 AM  

  • muito bom, lua, como sempre, já me ando a repetir...
    escreves excelentemente histórias sempre diferentes, imaginativas, e muito simbólicas. gostei muito desta, muito.
    beijinhos

    By Blogger aquelabruxa, at 10:13 AM  

  • Também acho que a letra de "Stein um Stein" dos Rammstein encaixa mesmo bem nesta história. Gostei muito do texto. Da suavidade das palavras e da calma do diálogo da personagem. Está subtilmente e docemente hmm... maquievélico. Parabéns pela criatividade.
    Beijinho*

    By Blogger SweetSerenity, at 12:36 PM  

  • This comment has been removed by a blog administrator.

    By Blogger bgif29fxuw, at 4:22 PM  

  • what the fuck....

    era só o que faltava, SPAM blogosférico!

    By Blogger Der Überlebende, at 1:04 AM  

  • A calma doentia com que tudo é executado...o ciúme, a insegurança. Gostei muito!

    By Blogger redbackspider, at 12:02 AM  

  • Só uma palavra, rapariga: Genial!
    Lautreamont não faria melhor. Muito vitoriano, muito negro, muito gótico, muito belo. Magestoso!

    By Blogger Earworm, at 1:15 AM  

  • Este texto sugere-me duas coisas igualmente "LAUTREAMÓNICAS":
    Heirate Mich - Rammstein
    I lay stretched at your grave- Dead can Dance

    By Blogger Earworm, at 2:02 AM  

  • A todos vocês: obrigada pelas palavras de apreço e de encorajamento :D Fico muito, muito feliz por terem gostado!

    Algumas palavras a duas pessoas em especial:

    Perséfone: eu também recorri muito a Rammstein quando tive alemão no secundário... a minha professora é que não achava muita piada ;) Beijinhos e obrigada*

    Earworm: a tua comparação a Lautreamont deixa-me sem palavras, é porventura o melhor elogio que me poderias fazer (por isso corei quando li o teu comentário). As tuas sugestões musicais são igualmente muito boas. Obrigada!!! Beijinhos*

    P.S. - Alguém faz o favor de apagar aquele comentário enorme de publicidade?! :P Isto está a tornar-se uma praga muito chata...

    By Blogger rita, at 9:47 PM  

  • Está fabuloso. O crime perfeito do aprisionamento, da asfixia e morte da alma. Temos a mulher como objecto e propriedade do homem, creio que esta metáfora não se afastará muito do encarceramento psicológico e em alguns casos físico que incontáveis pessoas (não apenas mulheres, também homens embora em número muito mais reduzido) suportam (quer no mundo dito industrializado quer nos países do terceiro mundo!)

    By Blogger Eduarda Sousa, at 9:25 PM  

Post a Comment

<< Home


 

referer referrer referers referrers http_referer